Avenida Vicente Machado

A Avenida Vicente Machado, é um logradouro da cidade de Curitiba. Desde 1912, a avenida possui a atual denominação, em homenagem ao ex-presidente da província do Paraná, Vicente Machado da Silva Lima.

A Vicente Machado possui 3.020 metros de extensão, iniciando na Praça Osório no Centro, terminando seu trajeto no entroncamento entre a Avenida General Mário Tourinho e a Rua Major Heitor Guimarães, no bairro Campina do Siqueira. Até a rua Jerônimo Durski, a avenida separa o bairro Campina do Siqueira do Seminário. A avenida também é uma importante ligação entre o bairro Batel e o Centro.

A avenida possui um grande contingente de estabelecimentos comerciais, bares, restaurantes, clínicas e hospitais.

Entre os principais pontos de referência do bairro, encontramos:

O Colégio Estadual Júlia Wanderley;

O prédio do Hospital da Cruz Vermelha;

O Omar Shopping, antiga residência da família Miró e a primeira sede da Universidade Federal do Paraná.

Vicente Machado para todos

A cena gastronômica e de badalação da Avenida Vicente Machado é agitada. A via do Batel reúne bares e restaurantes dos mais variados estilos. A maioria dos locais fica entre as ruas Coronel Dulcídio e Desembargador Motta e a Vicente Machado fica lotada, principalmente, de quinta a domingo. Por lá, há opções tanto para quem curte ficar de pé e circular entre os bares como também para quem não dispensa um restaurante com ambiente tradicional.

Quem foi: Vicente Machado

“Nome de rua” em Curitiba, Vicente Machado foi Presidente da Província do Paraná

Nascido em Castro, Vicente Machado da Silva Lima (1860 – 1907) exerceu por três períodos o cargo de presidente do Paraná – atual posto de Governador. Nas ocasiões, em 1893, 1894 e 1904, esteve no cargo de forma temporária como presidente em exercício ou eleito em comícios populares.

Vicente Machado começou seus estudos em Castro, mas logo se mudou para Curitiba. Em 1876, ingressou Academia de Direito de São Paulo e em 1881 se formou em Direito. Nesse período, defendia ideais abolicionistas e republicanos. No retorno para o Paraná, escreveu artigos para os jornais “19 de Dezembro” e “A Província do Paraná” No mesmo ano, em 1881, foi nomeado Promotor Público do Paraná e em seguida secretário do governo. Antes de acabar o século, foi ainda professor de Filosofia no Gimnásio Paranaense, Juiz Municipal e de Órfãos em Ponta Grossa, deputado provincial e deputado estadual – após a Proclamação da República.

Em 1893, foi eleito Vice-Presidente do Estado, na gestão de Francisco Xavier da Silva, e assumiu o posto de presidente durante um breve licenciamento do ocupante do cargo. Quando forças federalistas ocuparam o Paraná, se mudou para São Paulo, mas no ano seguinte retornou ao posto de vice. Em 1895, foi Senador da República e em 1904 presidente do Paraná (de 25 de fevereiro de 1904 a 13 de abril de 1906). Um ano após assumir o cargo, Vicente Machado faleceu, em Curitiba.

Na cidade em que viveu boa parte de sua vida, o ex-presidente da província dá nome a uma extensa via, que passa pelos bairros Batel, Campina do Siqueira, Centro e Seminário. A Avenida Vicente Machado tem aproximadamente 3 km de extensão, começando na Praça Osório e terminando na Avenida General Mário Tourinho.

Referências:

IPPUC. Nome de Rua. Disponível em <http://ippucweb.ippuc.org.br>.

Muzzillo, Camila. 1001 ruas de Curitiba. Organizado por Camila Muzzillo. Curitiba. Artes & Textos. 2011. 240p.

SEEG. Vicente Machado da Silva Lima. Disponível em <http://www.seeg.pr.gov.br/>.

Rua Vicente Machado do século passado: fotos do arquivo da Casa da Memória ( Fundação Cultural de Curitiba) 

Post Anterior
Próximo Post

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

15 − 10 =