Jornais impressos no mundo destacam posse de Lula

Cerimônia foi capa nos veículos como New York Times, The Guardian, La Nacion e El País Flickr/Lula Oficial – 1º.jan.2023 Lula acena para o público do parlatório do Planalto, em Brasília, ao lado da primeira-dama Janja JESSICA CARDOSO 02.jan.2023 (segunda-feira) – 11h22 As edições de jornais impressos no mundo deram destaque à posse de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) nesta 2ª feira (2.jan.2023). O petista, 77 anos, assumiu a Presidência da República pela 3ª vez no domingo (1º.jan) e se tornou o 39º presidente da República Federativa do Brasil.

Lula foi eleito em 2º turno com 50,9% dos votos válidos (60,3 milhões de votos). O petista derrotou Jair Bolsonaro (PL), que teve 49,1% dos votos (58,2 milhões de votos). Foi a menor diferença entre os 2 finalistas nas últimas 9 disputas presidenciais, desde 1989. Em seu 1º discurso como presidente empossado, o petista disse ser necessário reconstruir o país. Quis transmitir uma mensagem de esperança e falou em “democracia para sempre”. No seu pronunciamento no parlatório depois de receber a faixa presidencial, Lula falou em união e fez um apelo aos bolsonaristas, dizendo que governará paratodos os brasileiros.

.A cobertura da cerimônia apareceu na 1ª página das edições impressas de jornais internacionais como o New York Times (EUA), The Guardian (Reino Unido), La Nacion (Argentina), El País (Espanha) e Le Monde (França). Eis alguns destaques: NEW YORK TIMES  “Brasil estabelece Lula como líder; derrotado está ausente”, disse o jornal norte-americano em referência a não participação do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) na posse….

Post Anterior
Próximo Post

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 + onze =